Faça parte de nosso marketplace! Cadastre-se aqui.
Chá Branco Folhas Novas e Brotos Kampo de Ervas 3und 40g cad
  • Chá Branco Folhas Novas e Brotos Kampo de Ervas 3und 40g cad

    Cód.: VZ0054K3   |   Vendido por:  A Botica Orgânica
    Varejo

    R$ 24,93

    Ver parcelas

    Descrição do produto

    Chá Branco Natural Folhas Novas e Brotos 

    Benefícios

    O chá branco além de ajudar a desintoxicar e melhorar o funcionamento do organismo, também tem outros benefícios para a saúde como:

    Aumentar o metabolismo, por conter cafeína;

    Estimular a queima de gordura, por conter polifenóis e xantinas, substâncias que atuam na gordura;

    Combater a retenção de líquidos, por ser diurético;

    Evitar o envelhecimento precoce, por conter polifenóis, que são poderosos antioxidantes;

    Prevenir câncer, especialmente o de próstata e o de estômago, devido à riqueza em antioxidantes;

    Aliviar o estresse, por conter L-teanina, uma substância que favorece a produção de hormônios de prazer e bem-estar;

    Diminuir a inflamação, por conter antioxidantes catequinas;

    Prevenir a aterosclerose, pois ajuda a limpar o colesterol dos vasos sanguíneos;

    Combater vírus e bactérias no organismo;

    Controla a pressão arterial, já que possui propriedade vasodilatadora.

    O chá branco é produzido a partir da mesma planta que o chá verde, a Camellia sinensis, mas as folhas e os brotos que são utilizados na sua produção são retirados da planta ainda jovem.

    Quem não deve usar - Apesar de conter teores menores de cafeína, esta bebida não deve ser consumida por mulheres grávidas ou que amamentam, e por pessoas que possuam úlceras gástricas, diabetes, insônia ou problemas de pressão, por exemplo, sendo importante consultar o médico ou fitoterapeuta antes de tomar o chá para que se saiba a quantidade ideal para que não tenha efeitos adversos.

    Fonte Site Tua saúde 

    A origem da planta Camellia sinensis

    Quanta história existe envolvendo esta bebida que revolucionou a humanidade. Conta-se que antigamente um antigo imperador chinês estava sentado em seu jardim, sorvendo em uma linda xícara de porcelana um pouco de água quente. Esta prática era comum nas manhãs frias da China, pois aquecendo o corpo, proporcionava um grande bem estar. Uma lufada de vento arrancou uma folha de um arbusto do jardim, que acabou por cair dentro da xícara do imperador. Este, quando foi sorver mais um gole, percebeu que a água estava com um sabor diferente, por sinal muito agradável. Percebendo a presença da folha na xícara, foi à procura da planta responsável. A partir daí o imperador e seus seguidores passaram a tomar somente água quente com aquelas folhas. Esta é a lenda que se conta na China para a descoberta da planta Thea sinensis ou Camellia sinensis, como também é conhecida, e o processo de se preparar o chá. O interessante é que o nome chá em português vem do chinês, mudando somente a pronúncia, que é tcha.

    Curiosidades do Chá Verde

    Vamos entender um pouco mais desta planta. Se pegarmos os ramos com os talos e as folhas, secarmos e triturarmos de forma grosseira obteríamos o que os japoneses denominam de "Bancha". Se pegarmos somente as folhas bem novinhas, quase sem abrir e secarmos, vamos obter o "Macha". Dá para perceber que o sabor e o volume produzido de Bancha será muito diferente do de Macha. No Japão antigo, e não diferindo muito nos dias de hoje, o chá produzido somente com as folhas bem pequenas, colhidas manualmente e processadas de forma artesanal, adquire um preço exorbitante, onde somente ricos tem acesso a ele. Já a população em geral tem acesso a uma bebida inferior. No ocidente este chá das folhas recebeu o nome de "chá verde", devido à cor de sua bebida. Agora, se pegarmos estas folhas e passarmos por um processo de fermentação, seguido de uma pequena sapecada de suas folhas em uma temperatura um pouco maior, vamos obter o "chá preto", que possui cor, aroma, sabor e qualidades terapêuticas totalmente diferentes. No Brasil o chá verde ou preto é produzido no Vale do Ribeira, no estado de São Paulo, pelos descendentes dos imigrantes japoneses, inclusive chegando até mesmo a exportar para o Japão.

    Fonte Site Oficina de Ervas

    Perguntas

    Pergunte ao vendedor

    Você precisa estar logado para fazer perguntas. Clique aqui para entrar ou fazer um cadastro